08/06/2022
Relatório da Situação Mundial do Voluntariado de 2022

O Relatório de Voluntariado do Estado do Mundo de 2022 (SWVR):  Construindo Sociedades Iguais e Inclusivas apresenta novas evidências sobre a relação entre voluntários e o estado. Ele ilustra como as parcerias voluntários-estado podem redefinir as relações de poder e criar sociedades iguais e inclusivas. Quando os governos colaboram com voluntários de grupos marginalizados, as relações promovem novas formas de trabalho que  envolvem voluntários como parceiros-chave, permitindo-lhes  co-criar  soluções de desenvolvimento.

Para criar sociedades igualitárias e inclusivas em que todos se beneficiem, precisamos  aproveitar a criatividade e a energia dos voluntários. Ao fazê-lo, podemos lançar as bases para um contrato social do século XXI que seja mais inclusivo e responsivo às necessidades das comunidades. O Relatório é uma importante contribuição ao voluntariado e ao discurso oportuno sobre a criação de sociedades iguais e mais inclusivas.

 

Baixar PDF Baixar PDF
Você pode gostar também
Estudo  PDF 
11/07/2022
Lucrado com a dor
A riqueza dos bilionários teve alta recorde durante a pandemia de COVID-19, à medida que as empresas dos setores alimentício, farmacêutico, energia e tecnologia lucraram. Enquanto isso, milhões de pessoas ao redor do mundo enfrentam uma crise de custo de vida devido aos efeitos contínuos da pandemia e ao rápido aumento dos preços de bens essenciais, incluindo alimentos e energia. A desigualdade, já extrema antes…
Ler mais
08/06/2022
Pesquisa Voluntariado Brasil 2021
A Pesquisa Voluntariado no Brasil 2021 legitima o trabalho de milhares de voluntários na construção de um Brasil melhor, no presente e para as gerações futuras. Em sua terceira edição, a Pesquisa traz um retrato brasileiro do tema, indica tendências e analisa as mudanças das últimas duas décadas. Elaboração e coordenação: Silvia Maria Louzã Naccache, com apoio dos consultores Kelly Alves do Carmo e Felipe…
Ler mais
Estudo  PDF 
08/06/2022
Desigualdade Mata
O relatório “Desigualdade Mata”, que a rede Oxfam lançado às vésperas do Fórum Econômico Mundial em Davos (Suíça), revela que as desigualdades estão contribuindo para a morte de pelo menos 21 mil pessoas por dia, ou uma pessoa a cada quatro segundos. Esta é uma conta conservadora, baseada nas mortes globais provocadas pela falta de acesso à saúde pública, violência de gênero, fome e crise…
Ler mais