Artigo 
18/08/2021
Sua organização no topo do Google: o mundo dos anúncios online

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

Por Roberta Faria e Rodrigo Pipponzi*

 

Quando bate aquela dúvida, quando não lembramos o nome de alguém, quando não sabemos o site certinho daquela empresa… Para essas e tantas outras situações, a solução costuma ser a mesma: recorremos aos buscadores, que (quase) tudo sabem e, mais importante, nos entregam uma resposta em milésimos de segundos.

 

E quem olha com um pouco de atenção para os resultados de uma busca, percebe que com ela recebemos também uma série de anúncios, logo ali no topo da página, que de alguma forma conversam com a nossa dúvida. Esse espaço, precioso na economia da atenção, é comercializado pelos buscadores, e tem uma lógica bastante peculiar.

 

O que nem sempre nos damos conta é que as organizações do terceiro setor podem se beneficiar deste tipo de ferramenta para atingir seus objetivos, sejam quais forem. Há, inclusive, subsídios do próprio Google para esse público.

 

Para desvendar um pouco desse universo em que as palavras e os cliques têm muito poder, conversamos com a Marina Abramowicz, jornalista com experiência com marketing digital e fundadora da Malka Digital, em entrevista ao podcast Aqui se Faz, Aqui se Doa, produzido pelo Instituto MOL e pelo Movimento Bem Maior.

 

Vale a pena ouvir da Marina todos os esclarecimentos sobre os anúncios online, mas separamos abaixo algumas dicas chave que podem ajudar a colocar sua organização na rota do público-alvo, quase sem desvios.

 

Trace um objetivo claro

 

Toda peça de comunicação precisa começar da pergunta: o que queremos atingir com essa informação? Os objetivos podem variar bastante: conseguir uma doação, o download de um relatório, a assinatura de uma newsletter ou só apresentar o nome da sua organização para um futuro doador. Com isso, fica mais fácil definir a melhor estratégia para agir — e também evita frustrações diante de números pouco animadores.

 

“Os anúncios entregam a mensagem que a gente quer transmitir, para o público que queremos atingir, no momento certo, do jeito certo, de forma a garantir que esse público compreenda a mensagem e realize uma ação — e nós definimos que ação será essa”, contou a Marina.

 

Não tenha medo de ser específico

 

De fora, podemos ter a impressão de que é melhor usar expressões genéricas do que entrar numa combinação de termos pouco comuns. Pois é justamente o contrário: para se destacar num mar de informações, entregue o máximo da sua especificidade.

 

“A internet é um universo: tem gente de todo tipo, procurando todo o tipo de assunto, todos os dias. Não precisa ter medo de ser específico: sempre tem alguém interessado no que você está divulgando”, resume.

 

Não descuide do seu site

 

Quem clica em um anúncio precisa encontrar a informação que estava procurando quando abriu o buscador. E o local para hospedar esse conteúdo é o seu site, que precisa estar bem organizado e completo. Ele terá um papel decisivo para que você atinja seu objetivo inicial — se ele for, por exemplo, conseguir uma doação, um botão doar bem visível e uma navegação que permita concluir a ação com o mínimo de cliques será essencial para isso.

 

*Texto publicado na coluna Razões para Doar, de Época Negócios, em junho de 2021.

You might like it too
Artigo 
17/11/2021
Quem doa é mais feliz? Ouça conversa com neurologista
Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.Por Rodolfo Stipp Martino*   Ao fazer uma doação ou atuar como voluntário, um sentimento especial de prazer e satisfação costuma surgir ao se dar conta de que o seu gesto vai tornar a vida de alguém melhor.   Sobre essa percepção, vários estudos foram feitos pelo mundo, e os resultados sugerem que a ação de generosidade…
Read more
Artigo 
17/11/2021
Marcus Rashford, Dolly Parton e Percepções Públicas da Filantropia
Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.Por Rhodri Davies, Chefe de Política da CAF*   Foi relatado essa semana que uma potencial vacina de Covid-19 com resultados iniciais de testes muito promissores foi financiada em parte por uma doação de US$ 1 milhão da lendária cantora country Dolly Parton. Essa notícia foi recebida com deleite pelos usuários de internet, que aproveitaram a oportunidade…
Read more
Artigo 
17/11/2021
Filantropia e futebol moderno
Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.Por Andy Frain, gerente de Campanhas e Relações Públicas da CAF*   “Three Lions” pode ser, de fato, a trilha sonora da campanha da Inglaterra na Euro 2020, mas, na verdade, é o rap de John Barnes em “World in Motion” que realmente captura o espírito desse time inglês. Cínicos podem sugerir que a lenda de Liverpool…
Read more